segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Ligar e desligar, o quê?

 Em Mateus 16.19, a referência que Jesus faz ao falar de "ligar" e "desligar" é às "chaves do Reino dos Céus", que aparecem no início do versículo. Logo, para entender o que significam essas expressões, primeiro devemos compreender o significado dessas "chaves".

 As "chaves do Reino" representam a autoridade que Deus delegou à Igreja. O termo "chave", aqui, fala de poder. Afinal, é com chaves que abrimos ou fechamos portas. Mas, que portas?
 Diz-nos a Bíblia que as "chaves do Reino" são usadas, entre outras coisas, para repreender o pecado e levar a efeito a disciplina eclesiástica, como vemos em Mateus 18.18, quando as expressões "ligar" e "desligar" aparecem de novo. Os outros pontos que caracterizam essa autoridade são o poder de orar eficazmente em prol da causa de Deus na Terra (Mt 18.19-20); o poder de dominar as forças demoníacas e libertar os cativos pelo poder do nome de Jesus e da Palavra de Deus; e a missão que a Igreja tem de pregar a Salvação e o perdão dos pecados para todos que se arrependem e creem em Cristo. Esse último ponto é o assunto da passagem de João 20.23, onde mais uma vez encontramos Jesus demonstrando a ideia de que a igreja, isto é, seus servos, tem autoridade para "ligar" e "desligar".
 Portanto, o 'ligar" e o "desligar' de Mateus 16.19 têm um sentido abrangente. Seu significado inclui os significados dessas mesmas expressões em Mateus 18.18 e João 20.23. Na primeira passagem, o sentido é amplo, como vimos no parágrafo acima: fala de poder de disciplinar eclesiasticamente, do poder da oração, do poder de expulsar demônios e de pregar a mensagem transformadora do Evangelho. Já as duas outras passagens abordam aspectos desse sentido: Mateus 18.18, a disciplina eclesiástica; João 20.13, o poder da proclamação da Salvação em Cristo.
 Sobre Mateus 18.18, é só ler o contexto das palavras de Jesus. Os três primeiros versículos deixam claro o significado da passagem ( v 15-17). Em João 20.23, não aparecem ligar" e "desligar", mas a ideia está implícita nas palavras "perdoar" e "reter". Quando Jesus afirma a seus discípulos que "àqueles a quem perdoardes os pecados, lhe são perdoados; e, àqueles a quem os retiverdes, lhes são retidos", Ele não está querendo dizer que os discípulos tinham agora o poder para perdoar pecados, pois somente Deus pode fazer isso. Ele estava afirmando que deu-lhes o privilégio de dizer aos novos crentes que os seus pecados foram perdoados, porque aceitaram a mensagem de Jesus. "Todos os crentes têm este mesmo privilégio. Podemos anunciar o perdão dos pecados com convicção quando encontramos o arrependimento e a fé".  

 Sempre em Cristo,
 Josebias, o Diácono.

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

A Mensagem do Evangelho

  Você já leu algo sem entender?
  Se entendêssemos tudo o que lemos na Bíblia, não haveria motivos para comprarmos manuais bíblicos, dicionários bíblicos e outros auxílios para estudo. Muito tempo atrás, um etíope parou seu carro às margens da estrada por onde viajava para ler um trecho das Escrituras Sagradas. Ele estava lendo o Livro de Isaías no AT, mas não conseguia compreender o que lia. Deus enviou Filipe para ajudá-lo. Filipe perguntou: Compreendes o que vens lendo?" (At 8.30).
 "Como poderei entender," replicou o homem, "se alguém não me explicar?" Filipe subiu no carro e explicou ao homem o significado daquilo que lia. Filipe explicou as boas novas acerca de Jesus a ele, e o homem creu em Cristo naquele dia e foi batizado. O etíope não tinha dificuldades para ler as palavras da Bíblia, mas não conseguia compreender o significado daquilo para sua vida,, até que Filipe o ajudou.
 A Bíblia possui uma mensagem para cada um de nós. Embora suas palavras sejam simples, seu significado para nossa vida é profundo. Deus nos fala por meio das palavras da Escrituras para nos dizer verdades importantes que pode mudar nossa vida.
 A Bíblia nos diz que Deus tem um plano para cada pessoa. Ele nos criou para viver num relacionamento com ele. Ele deseja nos dar vida eterna para que possamos ter uma vida plena sobre a terra e eterna no céu.
 Deus deseja que tenhamos vida eterna, mas a Bíblia diz que temos pecado. O pecado é tudo o que fazemos ou deixarmos de fazer e nos separa de Deus e nos faz romper o relacionamento com ele. Sem o Senhor em nossa vida, não temos esperança de vencer os danos causados pelo pecado. Não podemos vencer nossos pecados sendo religiosos, morais ou bons. Não temos em nós a capacidade de nos livrar dos efeitos de nossos pecados. A Bíblia diz que Deus é santo, o que significa que é desprovido de qualquer pecado e não permite nenhum pecado perto de si. Ele é também perfeito e justo. Sua natureza é tal, que não tolera o pecado, antes, o pune. Deus nos ama e deseja que tenhamos a vida eterna, mas nossos pecados impedem isso. Ele nos ama, mas precisa castigar o pecado. A Bíblia diz que a punição de nossos pecados é a morte. Quando não conseguíamos fazer nada por nós mesmos, Deus optou por enviar Jesus para sofrer o castigo por nossos pecados, morrendo por nós. Jesus é deus que veio à terra como homem para morrer por nós. Ele morreu voluntariamente por nós e sofreu a dor e o castigo por nós. Sua morte satisfez o julgamento divino por nossos pecados e, ao mesmo tempo, mostrou seu amos por nós. Porque é Deus, Jesus pode fazer por nós o que só Deus pode fazer. Porque é um ser humano, ele podia tomar nossos pecados sobre si e morrer por nós. A Bíblia diz que reviveu para nos oferecer perdão de nossos pecados e vida eterna. De acordo, com as Escrituras, precisamos deixar nossos pecado, confiar totalmente que Cristo fez o que a Bíblia diz que ele fez e segui-lo em completa fé e obediência.
 As seguintes passagens bíblicas o ajudarão a receber a dádiva da vida eterna por meio de Jesus Cristo, caso você nunca tenha crido nele.
  1. Romanos 3.23 nos diz que todos somos pecadores: Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus.
  2. Romanos 6..23 nos diz que o pecado nos traz a morte, mas Cristo nos traz vida eterna como dádiva de Deus: Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus nosso Senhor.
  3. Romanos 8.1 nos diz que as pessoas que creem em Cristo são perdoadas e não condenadas por Deus: Agora pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus.
  4. Romanos 10.9 nos diz que somos libertos de nossos pecados quando admitimos nossos pecados a Deus e colocamos toda nossa confiança e Cristo: Se, confessares Jesus como Senhor e, em teu coração, creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos serás salvo. 
  Romanos 10.13 nos diz: Todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo. Caso tenha invocado o nome dele, você foi perdoado de seus pecados e recebeu a vida eterna.
  Deixe Jesus transformar a sua vida!
  Receba agora mesmo a Jesus Cristo como seu único e suficiente Salvador e Senhor. Convide-o para entrar em sua vida, expressando esta oração a Deus: "Senhor Deus, preciso de Ti porque sou uma pessoa pecadora. Quero receber a Jesus Cristo, teu Filho, como Senhor e Salvador. Entrego agora mesmo a minha vida em tuas mãos. Perdoa os meus pecados, em nome de Jesus. Amém."
  Se hoje você recebeu a Jesus como seu único Senhor e Salvador, a Bíblia diz que você tem a vida eterna e paz com Deus(João 1.12; 5.24; 1 João 5.13).
  Procure uma igreja evangélica e torne-se um membro. Deus te abençoe em Nome de Jesus!!!
  Agora volte à imagem acima e dê uma olhada investigativa, o que lês?

 Sempre em Cristo,
 Dc Josebias.